sábado, 3 de março de 2012

Os cursos online para concursos públicos valem a pena?

Olá Amigos,
Saúde e paz!
Acredito que para desenvolvermos qualquer atividade na vida, precisamos de disciplina e empenho.  Estudar e aprender são processos de vital importância na vida, principalmente se estiverem associados à concretização de um sonho, como o de ser servidor público.
Há dicas interessantes no texto abaixo. Coloquei no final um link onde podemos encontrar material de estudo de ótima qualidade. Espero que apreciem.
Desejo-lhes muito crescimento e contínuo sucesso!
Um abraço,

Cláudia Conegundes
Editado por Talita Abrantes

Especialista explica as diferenças de estudar em um cursinho pela internet ao invés de aulas presenciais.

Respondido por Rogerio Neiva, juiz e professor de cursos preparatórios para concursos.

Atualmente, existe uma inegável tendência à proliferação e valorização dos cursos “on line” para concursos públicos. Entre as vantagens dessa modalidade de ensino estão os custos menores do que um curso convencional, economia de tempo, já que o aluno não precisa se deslocar para outro local e, principalmente, acesso a aulas ministradas por bons professores de outras cidades.

Apesar disso, é preciso tomar alguns cuidados. O primeiro aspecto é a concentração. Concentrar-se significa valorizar alguns estímulos em detrimento de outros. Se atravessamos uma rua e não valorizamos o estímulo “carros trafegando”, colocaremos nossa vida em risco.

Ao assistir uma aula na web, com um simples movimento das mãos sobre o mouse podemos navegar por uma viagem no espaço e no tempo. Ou seja, o número de estímulos capazes de fisgar sua atenção da aula multiplica-se exponencialmente a cada novo clique.

Por isso, é preciso começar cada período de estudos na web com o compromisso sério de assistir a aula – sem se distrair. E tendo consciência do risco de ter a concentração desviada.

Outro cuidado importante consiste na autogestão. No curso tradicional já temos compromissos pré-estabelecidos, em termos de dias e horários. No caso do curso online, o candidato deve estruturar o seu planejamento e compromissos.

Para isso, uma dica é montar um plano de estudos com prazos bem definidos. Sempre tendo em vista do dia da prova ou a data final em que as aulas estão disponíveis.

Rogerio Neiva é juiz do Trabalho, especialista em concursos públicos, professor e criador do Sistema Tuctor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário